sábado, 4 de julho de 2009

ALGUNS CONSELHOS PRÁTICOS SOBRE CANÁRIOS

Eclosão – Alimentação – Anilhamento – Separação - Coloração


Eclosão

No fim do período de incubação ao longo do qual o embrião se desenvolveu dentro do ovo, o jovem vai bicar a casca com a excrescência córnea do seu bico chamada diamante. A mãe pode assim intervir nesta operação delicada. A casca vai então partir-se ao meio, libertando assim o passarinho. Ela chega a comer completamente a casca vazia mas a maior parte das vezes estas são retiradas para fora do ninho. A eclosão dá-se normalmente ao 13º ou ao 14º dia, mas caso não nasçam todos poderá aguardar-se mais dois dias.





Alimentação

Dois a três dias antes do nascimento, colocar á disposição dos pais, todo o material necessário para uma correcta alimentação (papas com ovo e Germinado). A mãe é atenciosa, pelo menos na primeira semana para alimentar os filhotes, da sua alimentação dependerá o sucesso das jovens aves. A fêmea encarregar-se-á da limpeza do ninho, isso deverá acontecer até ao 12º dia, após esta data as jovens aves deverão ser capazes de expelir as suas necessidades para fora do ninho. Deverá ter-se em conta que alguns casais não alimentam bem, aí o criador terá que ter relativa importância, pois tem que alimentar as jovens aves, com papas próprias que há à venda nas lojas da especialidade, ( Papa especial criação á mão) , ou terá que colocar as jovens aves, em outros casais que tenham filhotes com a mesma idade. Por experiência , um casal que não alimenta bem na primeira postura , raramente alimenta bem nas seguintes posturas. Terá o criador que ter o redobrado cuidado. Pode ainda usar esse casal apenas como CASAL POEDEIRO (se assim se pode chamar), retirar os ovos no 1ª dia de postura e mais tarde quando os outros casais começarem a pôr dividir os ovos pelos ninhos com menos ovos.





Anilhamento

Qual o momento para anilhar a ave?
Normalmente entre o 6º e o 7º dia, no entanto deverá ter-se em conta, que conta muito a alimentação fornecida. A anilha é o bilhete de identidade da ave, pois nela consta o seguinte: Ano de nascimento, Número de ave e nº stam , a sigla do clube a que pertence. A anilha é fechada e não permite a falsificação da identidade do pássaro. O Anilhamento é feito da seguinte forma : Colocam-se os três dedos da frente dentro da anilha, depois fazendo subir a anilha pela pata passará o outro dedo, estando aí a anilha colocada.





 
Separação das jovens aves

Normalmente as jovens aves separam-se por volta do 30º dia após o nascimento. Mas o mais aconselhável é verificar se eles já se alimentam sozinhos, após esta operação, colocar as aves em viveiros não muito grandes. Por á disposição das jovens aves, água , sementes ,papas com germinado, papa de criação, vitaminas e sais minerais.

Coloração 


Antes de mais, quem quiser obter um vermelho invejável nos seus exemplares tem de ter em consideração a descendência dos seus canários, pois apenas se obtêm aquelas lindas mascaras, nos canários mosaicos, quando a sua descendência assim o permite, bom sangue sempre!!! No caso da coloração dos canários mosaicos com factor, deve-se começar a dar os corantes mais ou menos 45 dias depois do seu nascimento, pois ai eles começam a iniciar a muda, sendo a altura ideal para iniciar o processo de coloração No caso dos vermelhos intensos, deve-se começar desde o 2º ou 3º dia de nascimento. Há quem comece desde o dia de nascimento ou até mesmo antes da postura da fêmea, para assim o ovo já portar o corante.





Mais uma vez espero terem gostado, tirei bastantes ideias de um artigo, o qual não tinha autor, mas estava no site http://cobl.no.sapo.pt/artigoscanarios.htm ..
Estão à vontade para passar no livro de visitas e deixar comentários..

Cumprimentos,

Nuno Carvalho

Nenhum comentário:

Postar um comentário